quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

O apego é bom


Há que se apegar às coisas que têm valor e também às que não têm, para que passem a ter. As religiões têm ensinado o desapego e a doação a partir disso. Ora, só realmente doamos aquilo que tem valor para nós, aquilo a que não nos apegamos é resto, não vale à pena doar. Quanto mais de nós for numa doação maior o dom. Aquilo a que mais nos apegamos mais qualidade ganha. Portanto, o apego é amor.
Onaldo Alves Pereira